O que o Coaching Ontológico tem de diferente?

Seria importante destacar que o papel principal do Coach em geral é o de suportar e auxiliar pessoas, grupos e organizações na definição e no alcance de um objetivo específico. Por exemplo: uma tomada de decisão, mudança comportamental, meta profissional ou qualquer outro tema que deseja mudar em sua vida.

Quando falamos em coaching, logo pensamos nos diversos seguimentos e estilos de coach (life coach, carreira, de emagrecimento, autoestima, financeiro, etc. . O ponto chave nestes formatos é o de identificar habilidades e ferramentas a se desenvolver para que possa ir de encontro ao mercado onde se atua ou deseja atuar. Neste caso o olhar é para fora. Você busca fora o que te agrada ou o que te falta e tenta a grosso modo “se ajustar” de acordo com suas habilidade e talentos ao objetivo pré estabelecido. Gostaria de deixar claro que não existe nada de errado com este modelo, ele é apenas uma metodologia diferente.

Já no Coaching Ontológico sua principal proposta é a de olhar para dentro, refletir e explorar a si mesmo e a partir deste novo olhar agir questionando e refletindo sobre a vida. Suas ações, medos e angústias passam a ser percebidos e avaliados. As regras que antes eram aceitas no piloto automático talvez passem a ser vistas de uma nova forma e a partir deste momento você começa a avaliar se faz sentido continuar seguindo estas regras ou não.

Com este novo olhar você começa a sentir que a vida está diferente, que as pessoas mudaram e que sua vida começa finalmente a fluir. Mas isto não necessariamente significa que as pessoas ao seu redor mudaram, significa sim que foi você quem mudou.

Você passa a ver seus problemas e sua vida de forma diferente e significativa, pois é através deles que se é possível evoluir. Seria como se você passasse em uma consulta oftalmológica para corrigir o grau do seu óculos, antes você via, mas já estava tão acostumado que não percebia que sua visão estava embaçada e quando troca as lentes por um novo grau, tudo fica mais bonito, limpo e mais claro.

[convertkit form=1015243]

Crenças limitantes, como elas são vistas no Coaching Ontológico?

Outro ponto importante do Coaching Ontológico é o de que não trabalhamos com crenças limitantes. Acreditamos que toda crença que limita, possibilita.

Agora, pense em suas relações e em tudo o que acredita. Se o que pensou faz sentido e você se sente confortável com estes pensamentos e sentimentos, significa que estas “crenças tem possibilitam” algo de bom em sua vida. Ao mesmo tempo, estas crenças podem te impossibilitar de experimentar algo novo e diferente enquanto você continuar acreditando nelas. E não existe nada de errado com isto. Faz sentido?

Agora, se algo do que pensou está te incomodando, este é o ponto onde o Coaching Ontológico irá te conduzir no entendimento do porque esta questão passou a te incomodar e a partir deste ponto, você passará a criar uma nova realidade de mundo. A partir deste momento é onde você passa a sentir que as pessoas à sua volta mudaram, mas, mais uma vez, quem mudou foi você. Você trocou suas lentes.

Quando buscar um Coach?

Quando um cliente busca o atendimento de coaching, normalmente ele já vem com alguma inquietação e incomodo, mas muitas vezes estas inquietações e incômodos, não são necessariamente o principal motivo que o coachee (cliente) gostaria de tratar. Este é um fato que é desconhecido pelo coachee e a descoberta se dá durante as sessões de Coaching Ontológico, durante a expansão e ampliação de si mesmo e do mundo, o que significa enxergar as mesmas coisas de maneira diferente.

Através de todos estes questionamentos e expansão, você passa a perceber pensamentos antes nunca pensados e com isto ganha-se tempo na evolução e construção da vida de uma forma mais leve (e não estou falando aqui sobre pensamentos positivos). Começa-se a perceber que a vida é uma eterna mudança e percebe-se que as dores fazem parte, mas com este novo olhar a vida passa a ser vivida de forma mais leve e intensa.

Quando existe dor, talvez seja porque você está tentando mudar algo ou alguém, e quando isso acontece a dor aparece.

As pessoas não resistem à mudanças, resistem a ser mudadas. Peter Senge

Olhe a sua volta e perceba: Muitas vezes, o que sentimos, o que falamos e como nosso corpo se comporta, não estão alinhados, isto já aconteceu com você? Acredito que sim, em algum momento de sua vida não é mesmo!? O Coaching Ontológico busca este alinhamento.

 

Aqui você encontrará formas de ter uma vida com mais sentido e significado, entender alguns porquês e criar alternativas para mudar esta forma de vida

Aqui você encontrará formas de ter uma vida com mais sentido e significado, entender alguns porquês e criar alternativas para mudar esta forma de vida

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Facebook Linkedin Instagram YouTube Pinterest
Olá! Que bom te ver por aqui! ☺️
Envie para WhatsApp 💬
%d blogueiros gostam disto: